O orégano é muito utilizado para dar aquele sabor extra às pizzas e massas, mas essa erva aromática não serve só de tempero. Ela tem nutrientes e propriedades curativas que fazem dela um verdadeiro curinga na cozinha.

Usamos basicamente o orégano em sua forma desidratada, mas ele ainda pode ser consumido em forma de óleo ou in natura, fazendo uso de suas folhas. Aliás, o óleo de orégano e suas folhas carregam ainda mais benefícios do que o orégano seco.

Mas, não descarte o orégano seco. Além de ser mais facilmente encontrado em supermercados, fica sempre mais fácil salpicá-lo em pizzas e outros pratos já prontos, antes de irem à mesa. Ele contém uma boa parte dos benefícios das folhas e óleo.

Seu consumo não costuma ter restrições, mas o excesso pode causar náuseas, vômitos e irritações na pele para quem é alérgico a erva. Sempre consulte um médico em caso de reações adversas, ou mesmo se for gestante e quiser consumir o óleo de orégano.

Benefícios do Orégano para a saúde

Os nutrientes que o orégano carrega fazem um bem danado para nossa saúde. São proteínas, carboidratos, fibras, gorduras, ácido fólico, polifenóis, ômega 3, além de vitaminas e minerais como ferro, potássio, magnésio, zinco, manganês, cobre, cálcio, betacaroteno, vitaminas A, complexo B, C e K.

Já deu pra notar que o orégano é uma verdadeira bomba nutricional, com nutrientes que ajudam demais várias áreas da nossa saúde, não é? Confira:

  • Sistema imunológico: ajuda a fortalecer nossa imunidade e sua ação antibacteriana e fungicida previne e combate gripes, resfriados e outros vírus, bactérias e infecções;
  • Bom para os ossos: os minerais do orégano como cálcio e ferro ajudam a manter a boa saúde dos ossos, prevenindo a osteoporose;
  • Propriedades antioxidantes: combatendo os radicais livres, o orégano ajuda a prevenir o envelhecimento precoce;
  • Anti-inflamatório: suas propriedades anti-inflamatórias ajudam a combater inflamações e dores musculares;
  • Bom para o coração: ajuda a regular a pressão arterial e o colesterol;
  • Menstruação e menopausa: além de ajudar a aliviar cólicas menstruais e a regular o ciclo menstrual, o orégano ainda ajuda na prevenção da menopausa precoce;
  • Sistema digestório: as fibras ajudam a regular o intestino e a eliminar toxinas. Ele ainda ajuda na produção de enzimas essenciais para a digestão, prevenindo gases e cólicas;
  • Diurético: o orégano tem propriedades diuréticas, o que ajuda a diminuir a retenção de líquidos no organismo. Isso previne o inchaço, melhora a circulação e ainda controla alterações no peso;
  • Sistema respiratório: o orégano contém alguns agentes que auxiliam nosso sistema respiratório, por isso ele faz bem aos pulmões e ainda ajuda em crises de bronquite e asma. Tente fazer um chá ou mesmo um suco de folhas de orégano com limão e mel;
  • Câncer: a erva pode prevenir alguns tipos de câncer, como de cólon, próstata e mama.

Chá de Orégano

Agora que você já conhece um pouco mais sobre os benefícios dessa erva, saiba que o chá de orégano também é uma ótima pedida para sua saúde. Relaxa, ajuda sua imunidade, seu intestino e ainda alivia os sintomas da TPM.

Basta separar umas folhas de orégano em uma xícara. Ferva um pouco d’água e despeje sobre as folhas. As folhas podem ser secas ou in natura, mas o importante é deixar a infusão acontecer para que a água absorva os nutrientes. Espere até esfriar um pouco, pelo menos.

Tome puro ou adoce com um pouco de mel, ou algum outro adoçante natural.

Comente através do Facebook