Se há algo bastante desagradável é o mau hálito. O pior é que a pessoa que tem não sente e a pessoa que sente o mau hálito do outro, nunca terá coragem de falar. Mas existem alimentos detergentes que podem ajudar na limpeza bucal, combatendo o mau hálito.

Grande parte das pessoas que têm mau hálito é devido a problemas com a língua. A língua é cheia de papilas e quando não higienizada corretamente, pode acumular restos de alimentos e consequentemente se tornar um ótimo local para a proliferação bacteriana.

O odor matinal é mais forte em quase todas as pessoas, porque à noite quase não há produção de saliva suficiente e ela é a responsável por ajudar a limpar a boca, remover os resíduos de alimento e as bactérias existentes. Se ela é produzida em menor quantidade, acaba ocorrendo uma fermentação e consequentemente um odor mais forte na boca ao acordar.

Problemas dentários e gengivais também podem contribuir para que o mau hálito ocorra, por isso, visitas semestrais ao dentista são importantes.

Alimentos detergentes

Alguns alimentos são chamados de detergentes por atuarem combatendo o mau hálito e ajudando a prevenir que ele apareça. Conheça os alimentos detergentes aliados do hálito bom e agradável:

  • Pepino e maçã: precisam ser comidos com casca para serem mais eficazes. O consumo desses alimentos ajudará a limpar a boca e os dentes, colaborando com a ação do fio dental. Isso faz com que as bactérias sejam eliminadas e com elas fora da boca, a chance de se ter mau hálito diminui muito. Para se perceber como esse resultado é bom e satisfatório, quando você notar que seus dentes estão meio ásperos e precisando ser escovados, consuma um desses três alimentos com casca e volte a passar a língua nos dentes depois disso. Notará que eles estarão lisinhos e limpos.
  • Chá de boldo: como melhora a digestão, acaba por ajudar a eliminar o mau hálito, caso esse tenha origem de um problema digestório.
  • Gengibre: essa raiz tem inúmeros benefícios e por isso deve ser incorporado no dia a dia. Eles são também um excelente adstringente natural, pois estimulam alguns processos digestivos, e por isso, podem ser ótimos aliados no combate ao mau hálito. Você pode tanto colocar o gengibre nas refeições quanto ter uma balinha de gengibre sempre na bolsa.
  • Iogurte natural sem açúcar: ele ajuda a reduzir os níveis de gás sulfídrico do organismo, que pode ser um dos causadores do mau hálito. Para que haja corretamente, ele deve ser ingerido ao natural, sem açúcar ou mel.
  • Suco de limão: essa fruta atua como adstringente e como bactericida e por isso pode ajudar a eliminar o mau hálito. Ela ainda ajuda a melhorar o funcionamento do intestino. Pode ser colocado tanto na comida diária, quanto feito suco.
  • Hortelã: é ótimo para o aparelho digestório, além de ter um cheiro muito agradável. Mastigar umas folhinhas de hortelã, além de deixar um gostinho bom na boca, induz a produção de saliva e consequente limpeza da boca, impedindo que o mau hálito apareça.
  • Água: ela estimula a produção de saliva e com isso, evita o mau hálito.
  • Aipo e cenoura: fazem o mesmo papel da maçã e do pepino, limpando a boca e diminuindo a proliferação de bactérias.

Dicas para combater o mau hálito

Além dos alimentos já citados, algumas ações podem ajudar a evitar o mau hálito. A higiene bucal é uma delas, manter os dentes escovados e usar fio dental é muito importante para manter a saúde bucal, mas não é o suficiente. Como na grande maioria dos casos o mau hálito ocorre a partir da língua, mantê-la limpa é extremamente necessário. Para isso use os raspadores linguais. Com eles fica mais fácil a higienização e o risco de ter ânsia some, pois ela é causada pelo movimento de vai e vem da escova.

Outro ponto muito importante é ir ao dentista. Deixe o medo do barulhinho dos instrumentos do consultório dentário de lado e vá cuidar da sua boca. Limpeza dos dentes, remoção de tártaro, tratamentos dentários diversos entre outros cuidados que esse profissional pode oferecer, são necessários para uma boa saúde bucal.

Se você já tem esse problema, alterar a alimentação pode ser necessário. Reduza a ingestão de comidas gordurosas como carnes e queijos amarelos. Além disso, você deve evitar alimentos aromáticos como alho, cebola e ovo. Todo mundo que come um delicioso patê de alho sabe muito bem que o gosto do alho fica por longas horas na boca, mesmo quando a escovação correta é feita.

Caso ainda não coma, comece a se alimentar com maçã, laranja, abacaxi e cenoura e outros alimentos detergentes que foram citados, para que eles possam remover superficialmente restos de alimentos da língua. Procure se alimentar a cada 3 horas e ingerir muita água durante o dia. Deixe uma jarra de suco de limão pronto na geladeira ou de chá de gengibre e beba durante o dia, eles ajudarão a normalizar a digestão e a melhorar o mau hálito.

Se nada disso for suficiente e você tenha algum problema que faça com que sua produção de saliva seja menor do que deveria, masque chicletes sem açúcar, que eles podem ajudar a melhorar essa produção e consequentemente melhorar a higiene da boca. Lembre-se que não há uma solução mágica para acabar com o mau hálito e procurar um profissional para que a saúde bucal seja colocada em dia e as causas do mau hálito possam ser descobertas é essencial para se ter sucesso e ficar livre desse incomodo.

Comente através do Facebook