É cada vez maior a sensação de que 24 horas é pouco para realizarmos tudo o que foi planejado durante o dia. Por isso, cresce o número de pessoas que reclamam de cansaço e estresse, já que não conseguem dar conta de tudo o que há para ser feito. Afinal, existe uma múltipla jornada de trabalho, especificamente para as mulheres, que precisam trabalhar, cuidar da casa, dos filhos e do marido. É dura essa rotina!

Fatores externos também contribuem para o aumento do estresse no dia a dia, como o trânsito caótico, as filas intermináveis em bancos e supermercados, os problemas no trabalho e muitos outros. Por isso, levar uma vida tranquila e saudável é cada vez mais difícil.

Essa sobrecarga de afazeres pode fazer com que a pessoa até deixe de se alimentar de forma correta. Muitas pessoas até deixam de almoçar para resolverem seus problemas durante o horário do almoço. Só que essa prática não pode se tornar um hábito. Isto porque a alimentação é super importante para aliviar o estresse. Sim, isso mesmo, segundo os nutricionistas alguns alimentos ajudam a aliviar o estresse.

Alimentos com triptofano, por exemplo, auxiliam no combate à depressão, já que a substância proporciona a sensação de bem-estar. O ideal é que eles sejam consumidos no período da manhã para que o seu efeito seja prolongado e possa ser sentido durante o dia. Também não pode faltar na sua dieta e no combate ao estresse os carboidratos, frutas, hortaliças, legumes, proteínas, fibras e minerais.

Se você está cada vez mais estressada, então é hora de investir em alimentos que contenham vitamina C, pois eles auxiliam na redução do cansaço. Inclua na sua dieta frutas como morango, abacaxi, acerola, goiaba, além de verduras como brócolis e couve-flor. Outra dica é apostar em alimentos que contenham vitaminas do complexo B e zinco, como amêndoas, arroz integral, repolho e alho.

Você sabia que a baixa taxa de serotonina (neurotransmissor responsável pela euforia e pelo bem-estar) no cérebro pode provocar ansiedade? Pois uma alimentação pobre em proteínas e carboidratos, por exemplo, pode interferir na ação da serotonina no organismo.

Lembre-se ainda que há alimentos e bebidas que são estimulantes e, por isso, devem ser evitadas. Entre elas destaque para o café, refrigerantes, chocolate, chá preto ou verde e álcool.

Vale ressaltar também que uma boa noite de sono, assim como alimentação adequada, ajuda a eliminar o estresse, pois durante o sono o organismo produz melatonina. Esse hormônio retira os radicais livres do organismo e oferece uma sensação de disposição e bem-estar.

Lista dos Alimentos mais poderosos contra o estresse

  • Alface – É nos talos das folhas de alface que são encontradas substâncias como a lactucina e lactupicrina, que atuam como calmantes naturais.
  • Verduras verde-escuras – Brócolis, couve e espinafre são fontes de ácido fólico. A falta desses alimentos pode provocar depressão. O consumo deve ser de duas a três porções por semana.
  • Peixes e frutos do mar – Substâncias como o zinco e selênio agem diretamente no cérebro e, por isso, diminuem o cansaço e a ansiedade. O selênio, por exemplo, pode ser encontrado no atum enlatado. Outros tipos de peixe como salmão, sardinha, arenque possuem ácidos graxos poli-insaturados do tipo ômega 3, que melhoram o funcionamento do cérebro.
  • Carboidratos complexos – Os alimentos chamados de carboidratos complexos aumentam a produção de serotonina, por isso a sensação de relaxamento do organismo é mais prolongada. Entre os carboidratos complexos destaque para massas integrais e leguminosas: arroz integral, macarrão integral, batata, pão integral, mandioca, inhame, mandioquinha, batata-doce, feijão, grão-de-bico, ervilha, lentilha.
  • Fibras – Coma cereais integrais, frutas (principalmente com casca) e verduras.
  • Cereais – Excelente fonte de carboidratos complexos. Contém grande quantidade de fibras e vitaminas essenciais. A aveia, por exemplo, facilita a passagem do triptofano para o cérebro. Invista nos cereais com grãos integrais e pouca quantidade de açúcar. O ideal é inserir os cereais no café da manhã.
  • Castanhas e sementes – As castanhas e as sementes são ótimos alimentos para combater o estresse. Destaque para as castanhas (noz, castanha-do-Pará, amêndoa, pistache) e as sementes (abóbora, gergelim, girassol e linhaça).
  • Banana – A banana é um ótimo alimento, pois possui substâncias como triptofano, vitamina B6, magnésio e potássio, que estimulam a produção de serotonina e ajudam a diminuir ansiedade e irritação. O ideal é comer uma banana todo dia.
  • Laranja – Rica em vitamina C, cálcio e vitaminas do complexo B, a laranja é um ótimo relaxante muscular, pois ajuda a combater o estresse e a prevenir o cansaço. Um dos principais benefícios da vitamina C é inibir a liberação de cortisol, hormônio relacionado ao estresse no corpo.
  • Abacate – Para estimular a serotonina, ou seja, melhorar o humor e o bem-estar, coma abacate, mas somente uma unidade uma vez por semana.
  • Laticínios – Para combater o estresse e o baixo-astral, recomenda-se comer diversos tipos de laticínios como iogurte, leite e queijo, que são ricos em proteínas e triptofano. Uma fatia de queijo branco ou um copo de leite por dia é o ideal.
  • Ovos – O nível de triptofano no organismo é mantido quando é ingerida uma unidade de ovo de uma a duas vezes por semana.

Comente através do Facebook